terça-feira, 12 de abril de 2011

O Dragão de Smoking Camuflado

O Dragão de Smoking Camuflado é um livro para todos os que acreditam na nobreza da vida militar - e a que a amam. Escrito pela Vânia Oliveira, mais conhecida por interpretar na girls band "Delirium", é o seu primeiro romance - e a primeira tentativa de escrever um romance sólido.

O livro retrata duas pessoas totalmente opostas uma da outra. Uma delas é a vida de um militar que dá a sua vida pela bandeira portuguesa, e o outro é de um cidadão de Timor Leste que foge de um orfanato à procura de uma vida melhor. Vemos estas duas personagens crescerem gradualmente durante o livro, observando todos os seus amores, medos e dilemas.
Vera Oliveira escreve de uma forma simples, agradando a muitos públicos, mas recomenda-se a maiores de 12 anos devido à natureza do trama. No entanto, por vezes vemos que está escrito de uma forma demasiado simples e resumida, ignorando certos detalhes que nos impede de mergulhar num mundo que nem todos conhecem. No início nota-se que existem uns diálogos demasiado forçados, não pertencendo à personalidade da personagem, mas à medida que a história progride começa a existir um melhor ajustamento entre os dois.

Os temas deste livro são muito adultos porque aborda a vida militar e os seus abusos, patriotismo, casamento, família, tempo (vida e morte) entre outros. Recomendo este livro a pessoas já com alguma idade, pois certamente se irão identificar com certos temas da obra.

O antagonismo deste livro é a sociedade, umas vezes de uma forma física, outra de uma forma emocional. Apesar de fazer o seu trabalho, por vezes sentimos que estamos apenas a observar a vida destas duas personagens. É uma pena, pois se a autora tivesse aprofundado mais a história das personagens, evocando mais emoção (do que apenas um resumo da vida de ambos) teria sido um livro bastante bom.

O Dragão de Smoking Camuflado é um livro agradável, perfeito para uma leitura rápida nas férias da Páscoa. Contudo não esperem nenhuma obra-prima.

Nota: 6/10

O que é agradável: A história das personagens e o seu rumo. A sua leitura é bastante suave e agradável não deixando muitas incógnitas.
O que é desagradável: O estilo de escrita da autora é bastante simples, resumindo a história das personagens e as descrições, impedindo do leitor deixar-se imergir no mundo onde se passa o trama. No início do livro existem alguns diálogos muito forçados e os diálogos em espanhol (castelhano) contém muitos erros de vocabulário.

Portal Análises Literárias. Um ponto de encontro para amantes de livros. Aqui encontram noticias, entrevistas exclusivas com autores e análises (opiniões) de livros que estão no mercado. Ao registarem-se tem acesso a conteúdo exclusivo e a futuros passatempos.

Sem comentários:

Enviar um comentário